Golpista diz estar em base militar americana no Irã e pede 750 dólares

Por: Da Redação
16/01/2020 às 08:21
Polícia

Idosa de 61 anos procurou a polícia nesta quarta (15) após golpista pedir US$ 750. Ele dizia servir o exército dos Estados Unidos e estar instalado em uma base militar americana no Irã.

Eles teriam se conhecido pelo Facebook e depois começaram a trocar mensagens por WhatsApp. Ele disse que teria sofrido um acidente e pediu que a vítima entrasse em contato com a possível base, por outro número de WhatsApp, e solicitasse que autorizassem a licença dele.

A vítima fez o que foi pedido e, em seguida, ele pediu que ela enviasse o valor de US$ 750, referente ao registro de documentação de licença junto à base militar.

Desconfiada, a vítima não enviou o dinheiro e procurou auxílio jurídico, sendo orientada a procurar a delegacia e registrar a ocorrência. 

Ela foi orientada pela polícia a fazer captura das telas do celular que mostrem as conversas com o suspeito e com a possível base. A Polícia Civil vai investigar o caso.






Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!