Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Heitor Mazzoco
Aldenis Borim, secretário de Saúde de Rio Preto

Secretário de Saúde diz que leitos ’jamais’ foram abertos para Rio Preto avançar no Plano SP

Por: Heitor Mazzoco
28/08/2020 às 16:17
Eleições 2020

’Abrimos leitos para salvar vidas", disse o titular da pasta


O Secretário de Saúde de Rio Preto, Aldenis Borim, afirmou na tarde desta sexta-feira (28) que a abertura de novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) "jamais" ocorreu com intenção de fazer a região avançar de fases no Plano SP de flexibilização. 

Atualmente, a região tem 25,9 leitos para cada 100 mil habitantes, um dos maiores índices do Estado. No entanto, o Departamento Regional de Saúde (DRS) de Rio Preto apresenta ocupação de 75,5%. "Nós nunca abrimos leitos para avançar de fase (no Plano SP). Abrimos leitos para salvar vidas", disse o titular da pasta. 

Borim também afirmou que o pedido enviado ao governador de São Paulo, João Doria (PSDB), para que a cidade avançasse para fase amarela nesta sexta-feira (28) não foi feito de "maneira irresponsável". 

Segundo Borim, o pedido foi feito com base nos dados da cidade. De acordo com ele, o índice de internados em UTI, apenas em Rio Preto, ficou entre 70% e 75% na última semana. 

"Não fazemos isso de maneira irresponsável. Irresponsavelmente, não. Se estivéssemos com número acima de 75%, jamais pediramos para ir para fase amarela", disse Borim.  

Sem chance
Borim afirmou ainda que espera que na próxima semana Rio Preto possa avançar para fase amarela. "Uma semana você só pode regredir, na semana seguinte pode ocorrer flexibilização ou endurecimento da flexibilização. Nossos números da semana passada permitiam (ir pra fase amarela) e esperamos que continue assim para irmos para fase amarela", afirmou.  







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!