Borim diz que Prefeitura estuda endurecer a quarentena em Rio Preto

Por: Da Redação
31/07/2020 às 16:43
Saúde

Secretário de Saúde afirmou que Comitê Gestor de Enfrentamento ao Coronavírus estuda adotar medidas mais restritivas na cidade

O secretário de Saúde, Adenis Borim, disse que a Prefeitura de Rio Preto estuda adotar medidas mais restritivas para conter o avanço da Covid do município.


Segundo Borim, a adoção de regras mais rígidas para quarentena deve ser debatida neste fim de semana pelo Comitê Gestor de Enfrentamento ao Coronavírus. Ele, porém, não quis adiantar quais seria as medidas. "Nós estamos estudando mais restrições, porque nós estamos em um momento de muitos casos. E a gente acredita que tem de haver mais restrições neste momento", afirmou o secretário durante a live de hoje (31). 

Na fase laranja (2) do Plano São Paulo, Rio Preto já possui medidas mais restritivas que as demais cidades da região. Uma delas é o mini lockdown, com a permanência dos estabelecimentos comerciais entre domingo e terça-feira. Os supermercados estão proibidos de abrir aos sábados e domingos. E também está valendo a Lei Seca, que proíbe a venda de bebidas alcoólicas entre 20h e 6h. 
Rio Preto chegou nesta sexta-feira (31) a 9.021 casos de Covid e 240 mortes.

Borim disse que três pontos preocupam o Comitê da Saúde: leitos de UTI, falta de medicamentos para internação e aumento no número de casos de Covid. "Hoje nós já somos mais restritivos que qualquer cidade na fase laranja, mas em virtude do número de casos, leitos hospitalares e falta de medicamentos para tratar a Covid, nós estudamos medidas mais restritivas, sim", afirmou o secretário.






Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!