Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Foto por: Reprodução
Juiz Paulo Vieira: o momento é de urgência

Justiça autoriza Saúde a requisitar equipamentos que eram do Ielar para Hospital de Campanha

Por: Maria Elena Covre, Fabrício Carareto e Lucas Israel
04/04/2020 às 13:29
Bastidores

Antonio Baldin, ex-promotor e assessor especial da Secretaria da Saúde, formalizou consulta como medida preventiva


Pode usar?
A Secretaria de Saúde de Rio Preto, por meio do ex-promotor e atual assessor especial da pasta Antônio Baldin, formalizou uma consulta junto à Justiça para saber se poderia solicitar o uso temporário de eventuais respiradores e equipamentos existentes no antigo Hospital Ielar, cujo prédio foi alugado por um grupo de saúde privada, a Assossim.   

Sim, pode
A ideia é aproveitar o material que era do Ielar no Hospital de Campanha que está sendo montado pelo município para atender vítimas do coronavírus, caso a demanda não seja suportada pela rede hospitalar existente no momento.  E a resposta foi sim. 

Sem restrição 
Por meio de ofício, o juiz de direito e diretor do Fórum de Rio Preto, Paulo Marcos Vieira, comunicou a Secretaria de Saúde que, "após consulta aos juízes titulares da Varas Cíveis e da Fazenda Pública Estaduais da Comarca de São José do Rio Preto, nenhuma oposição foi manifestada”. 

O momento é de urgência
A lei permite que o município solicite uso de qualquer material, em qualquer instituição, no caso de urgência de saúde pública. A consulta foi feita, no entanto, diante da dúvida gerada pelo fato de existirem penhoras. "Mas em períodos como este, de calamidade, é direito dos órgãos da saúde, que apenas pretendeu se acautelar”, explica o juiz Paulo Marcos Vieira. 

Recomendação
A Sociedade Brasileira de Virologia emitiu um documento em que reitera às autoridades governamentais – nas esferas municipais, estaduais e federal –  o distanciamento social como medida fundamental para retardar a disseminação da epidemia de coronavirus no País.  

Amplo apoio
O documento é assinado pelos seis membros da atual diretoria e por 12 ex-presidentes da entidade, entre os quais o virologista de Rio Preto Maurício Nogueira, da Famerp. A SBV tem nos seus quadros os maiores virologistas do Brasil de alguns países da América Latina.   

Proteger o cidadão 
"Com base nas recomendações dos especialistas em todas as áreas de Saúde Pública, da Organização Pan Americana da Saúde (OPAS) e da Organização Mundial da Saúde (OMS), nós da SBV enfatizamos que este procedimento é essencial para mitigar a transmissão do vírus e permitir a redução do número de casos de SARS-CoV-2 (COVID19). O distanciamento social não só tem o objetivo de proteger os cidadãos brasileiros, mas principalmente, evitar a sobrecarga dos sistemas de saúde público (Sistema Único de Saúde - SUS) e privado”, diz o documento. 

Dever do Estado 
A entidade se posiciona também em relação aos questionamentos do setor produtivo, que teme uma devastação da economia diante da medida. "Somos todos trabalhadores e cidadãos, sensíveis às dificuldades econômicas que serão ainda mais sentidas na parcela menos favorecida da população brasileira. A exemplo de outros países, é um dever do Estado e de economistas determinar as ações para minimizar estas consequências.”

Salvar vidas 
Segundo a SBV, os virologistas, a despeito de questionamentos de outra natureza, tem por princípio, além do desenvolvimento científico, salvar vidas. "O que acreditamos ser neste momento a prioridade. Sabemos pelo histórico de outras epidemias que, subestimar a magnitude da sua extensão, por achados iniciais, é catastrófico”, completa. 

Chave do retorno 
Para a entidade, tecnologias de monitoramento da circulação do vírus e da resposta imune dos indivíduos pode, inclusive, ser a chave para o retorno da população economicamente ativa às atividades laborais, de forma segura e sem o risco de novas ondas epidêmicas.



 Paciente à distância 1
A Unimed Rio Preto enviou comunicado a seus associados nesta sexta-feira (3) informando que  liberou o uso da telemedicina, ou seja, a empresa de medicina privada vai pagar o profissional que atender pacientes à distância em tempos de coronavírus. 

Paciente à distância 2
 A decisão segue a normativa do Conselho Federal de Medicina (CFM). O valor da consulta para clientes da Unimed será de R$ 108. O atendimento, para ser pago, deverá ocorrer de segunda-feira à sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 18h. 

Alô doutor
Para os clientes CO (Custo Operacional) e intercâmbio segue a regra da fonte pagadora. O atendimento será de segunda à sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 18h. Para ser contabilizado como uma consulta, o tempo mínimo de atendimento ao paciente será de dez minutos. Um vídeo explicativo será enviado para os profissionais na segunda-feira (6).

Reunião 
O deputado federal Geninho Zuliani (DEM), de Olímpia, intermediou uma reunião neste sábado (4) na Famerp entre autoridades políticas e de saúde da cidade com o vice-governador Rodrigo Garcia (DEM), que participou por teleconferência. Estiveram presentes o prefeito Edinho Araújo, diretores da Faculdade e do Hospital de Base, além de representante da Direção Regional de Saúde (DES-15). 

Mais UTI
O grupo elencou um conjunto de medidas para ajudar no no combate ao coronavírus, entre às quais credenciamento de mais 26 leitos de UTI no HB, e também a utilização de três  andares exclusivamente para Covid-19. 

"Esforços"
Na segunda-feira haverá uma nova reunião, com a equipe do HB, Santa Casa, DRS-15, Secretaria Municipal de Saúde e prefeitura de Rio Preto para outros alinhamentos. "Rodrigo ressaltou que o governo do estado de São Paulo não medirá esforços para credenciando e financiamento das estruturas de saúde e isso será fundamental para contribuir com a melhor assistência à população”, disse Geninho. 



Traiu a causa 1
Lideranças bolsonaristas convictas que ajudaram Janaína Paschoal (PSL) a arrebanhar quase 30 mil votos em Rio Preto em 2018 para a Assembleia Legislativa, a deputada estadual mais votada da história de São Paulo virou uma traidora da causa depois que chegou ao poder. O bolsonarimo na cidade não consegue engolir a guinada no discurso daquela que foi uma das heroínas na derrubada de Dilma Rousseff (PT) da presidência. 

Traiu a causa 2
Isso porque Janaina tem feito críticas contundentes nas redes sociais, em especial o Twitter, ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seus filhos políticos. E até Olavo de Carvalho, o guru do clã e espécie de inspiração intelectual dos bolsonarismo recebeu ataques virulentos da deputada. 

Bateu de frente
Nesta quarta, ela foi ainda mais incisiva ao comentar num post do próprio presidente Jair Bolsonaro no Twitter com vídeo de uma suposta professora atacando governadores. "Se o senhor não parar com essas postagens, os militares vão para a rua para retirar o senhor, com base no artigo 142 da Constituição Federal. Meu povo sofrendo e o senhor fazendo graça. Pelo amor de Deus, amadureça”, escreveu Janaína Paschoal, escandalizando os seguidores do presidente. 

Virou as costas 
O empresário rio-pretense Olavo Tarraf, um dos "padrinhos” da então candidata em 2018 também era um seguidor entusiasmado dela nas redes sociais. É um dos que a criticam agora, "Na política, infelizmente, depois que a maioria dos eleitos recebem seus mandatos, acabam virando as costas aos eleitores pra seguir seus próprios interesses. Janaína é só mais um caso desses”, disse ele. 

Não faria mais 
Janaína Targas Albuquerque, que chegou a pagar adesivos do próprio bolso e fazer campanha na rua, diz que não faria isso hoje de novo. "Eu sou contra esse fechamento geral (dos serviços não-essenciais), mas também acho que devemos ter cuidados, devemos ter algumas restrições. Acho que o papel do Legislativo é achar um meio termo de negociar, para que seja bom para todos. Agora, gritar FORA A ou FORA B, cada vez que não concorda, não é democrático. Esse ’meu povo’, só mostra a bolha que ela vive”, afirma. 

’Não entendi’
O médico Paulo Bassan, aliado de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro, e ainda na militância em grupos e movimentos à espera da definição partidária do presidente, é outro que diz não entender a antiga aliada. "Ainda não entendi a maneira enfática dela. Divergências são normais em política, mas a ênfase grupal e simultânea ainda não consegui interpretar”, afirma. 

No Podemos 1
O vereador Gerson Furquim fechou com o Podemos. A filiação do ex-pepista foi anunciada na manhã deste sábado, dia 4, último dia da janela para transferências partidárias. 

No Podemos 2
Furquim deixou o PP depois que a legenda, liderada pelo vereador Paulo Pauléra, negou a ele vaga na chapa que irá disputar o Legislativo neste ano. O parlamentar é um dos "dinossauros” da Câmara, em seu quinto mandato consecutivo. 

No Podemos 3
A filiação de Furquim no Podemos foi assinada depois de uma longa negociação com o empresário Kawel Lotti, pré-candidato do partido à prefeitura.
 
A voz da experiência 
Inicialmente cotado pelo PV, o médico Paulo Thomé, de Mirassol, acabou devidamente acomodado no MDB. Estreante na política, ele pretende se lançar na disputa pela prefeitura da cidade neste ano. Tem na retaguarda a expertise de Zéca Moreira, o fiel escudeiro de muitas décadas do prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB). 

Cresceu o olho 1
Tiradas as devidas proporções, lideranças do PDT em esferas superiores já começam a ver no violoncelista rio-pretense  Abner Tofanelli uma pegada Tábata Amaral, a garota-prodígio que virou deputada federal. Isso em termos de popularidade com o eleitorado jovem conectado. 

Cresceu o olho 2
A empolgação aumentou com os números de uma live que Abner fez no dia 30 de março. A apresentação do rapaz, que vai disputar a vereança, alcançou no Facebook 266,6 mil pessoas, 1.608 compartilhamentos e 580 comentários até este sábado (4). O vídeo, no Youtube, já teve 110 mil visualizações. Os caciques nacionais do partido teriam sinalizado que Rio Preto vai ser bem servida em termos de recursos para a disputa deste ano. 







Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!