Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência.



Geraldo Nunes Silva

Licenciado em Matemática pela Universidade Federal de Uberlândia (1984), mestre em Matemática pela Universidade de Brasília (1986), doutor pelo Imperial College London (1993) e pós-doutorado na UBC


O que é Educação Financeira e por que ela pode salvar sua vida?

Por: Geraldo Nunes Silva
09/02/2021 às 10:58
Geraldo Nunes Silva

A educação financeira é uma ferramenta que veio para auxiliar na realização de seus sonhos

Educação financeira é um processo mediante o qual os indivíduos e a sociedade compreendem os conceitos financeiros com o objetivo de, com informação, tomar decisões conscientes financeiramente. A educação financeira orienta a tomada de decisões sobre as necessidades e desejos de consumo, financiamentos e investimentos. Além disso, torna o cidadão livre e capacitado para melhorar sua qualidade de vida presente e futura.

Resumindo: a educação financeira é uma ferramenta que veio para auxiliar na realização de seus sonhos!

Trata-se de um meio de prover conhecimentos e informações para dar liberdade aos cidadãos e suas comunidades. Afinal, a qualidade das decisões financeiras influencia toda a economia por estar intimamente ligada a problemas como nível de endividamento, inadimplência e a capacidade de investimentos dos países. Segundo dados do Serasa, o número de brasileiros inadimplentes chegou a 63,8 milhões em janeiro de 2020. 

Além disso, segundo o Banco Mundial, apenas 3,64% da população brasileira economiza para a aposentadoria, sendo um dos índices mais baixos do mundo. Isso indica que está sendo destinado mais dinheiro para consumo do que para poupança, quando, para se promover o desenvolvimento do país, é preciso buscar reduzir a distância entre os dois.

O significado do consumo na sociedade brasileira atual está ligado a fatores subjetivos como autoestima e status quando deveriam estar baseados em planejamento. Para grande parte dos brasileiros, o dinheiro está ligado somente à sobrevivência do dia-a-dia e não comporta a dimensão do futuro. 

O que muita gente não sabe é que a falta de  planejamento no presente, pode acarretar instabilidades e dificuldades financeiras no futuro quando ocorrer imprevistos. Pense em todas as atitudes financeiras que você tomou no passado e veja o quanto elas impactaram o seu presente. Quantas vezes você se arrependeu de ter comprado algum objeto que não precisava? Talvez se você não tivesse feito aquele financiamento, a sua vida financeira estaria melhor hoje...

O fato é que: o que você fez no passado influencia o seu presente e o que você faz hoje pode influenciar positiva ou negativamente o seu futuro. Quem decide como vai ser é você!

Se você não gastar bem, poupar bem e investir bem seu dinheiro você vai fazer parte dos 96,36% da população brasileira que vai depender apenas da aposentadoria (que vamos combinar, não é lá aquelas coisas). Ou vai dizer que você quer estar com 80 anos tendo que trabalhar para obter  renda extra porque não consegue viver com os proventos de sua aposentadoria?

Convidamos-lhe a começar hoje a sua jornada rumo à realização dos seus sonhos. Mas já avisamos que não será fácil. Você vai precisar de muito esforço, dedicação, persistência e principalmente: foco!

Nas próximas colunas vamos tratar as questões de planejamento para: a) conhecer melhor suas fontes de renda e despesas corriqueiras; b)  criar objetivos; c) estabelecer rotinas de acompanhamento de sua vida financeira; e d) poupar e investir com qualidade.

Acompanhe toda semana nossas dicas para garantir que seu futuro seja muito melhor que seu presente! 






Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!