Janaina Targas Albuquerque

Psicóloga, empresária e ativista de movimentos de direita


O Poder da Imprensa

Por: Janaina Targas Albuquerque
18/03/2020 às 12:14
Janaina Targas Albuquerque

Ludicamente chamado de quarto poder, para se referir a imprensa, como representante máximo, com o dever de denunciar violações dos direitos nos regimes democráticos, como órgão responsável por fiscalizar os abusos dos teus poderes originais, Legislativo, Executivo e Judiciário.

Durante muito tempo, a imprensa foi "a voz dos sem vozes”, e seus representantes sofreram retaliações de todos os lados, o que não impediu que se mantivessem como base na balança com os demais poderes. Com suas ferramentas de alcance e representatividade, seria "os olhos e os ouvidos” da população, a vontade e opinião do povo. 

As informações produzidas e veiculadas pela imprensa é o meio pelo qual a opinião pública se expressa. 
A queda de braço do presidente e a impressa, retira as vendas de um dilema, onde um amplo recebimento de informações e um verdadeiro "bombardeio informativo” de roupagens que desviam a atenção e/ou superficializam o conteúdo, em uma espécie de "manobra” para que o receptor não perceba quais outras informações lhe são ocultadas e dissolvidas pela "censura”. Esse mecanismo atrofia inclusive o desenvolvimento intelectual da "massa”, bloqueando o caminho e a construção de uma opinião pública realmente formada e consistente.

A imprensa não representa mais, pelo menos não em sua totalidade. O conceito de fiscalizar os poderes e nortear os cidadãos. Por ele agora pousa as vendas geridas por interesses, maquiando informações e direcionando olhares.  Hoje cada cidadão com um celular nas mãos é uma espécie de "ancora” anônimo em suas mídias sociais.






Anunciar no Portal DLNews

Seu contato é muito importante para nós! Assim que recebemos seus dados cadastrais entraremos em contato o mais rápido possível!